Empreendedorismo · Inspiração

Walt antes do Mickey

Eu adoro assistir filmes que fazem uma reflexão da vida, com histórias inspiradoras e com personagens que encorajam as pessoas a continuar acreditando em seus projetos.

Confesso que pouco sabia sobre a biografia de Walt E. Disney.  Sempre atribui seu legado ao talento com animação, criatividade e ao império de entretenimento que construiu, mas ainda não conhecia sua história de empreendedorismo e seus percalços.

O filme Walt Before Mickey relata a infância pobre, a obsessão pela paixão de desenhar, a persistência em acreditar num sonho distante, os fracassos e o embrião dos personagens que consagraram o sucesso da Disney.

foto50

Vou contar o que eu aprendi com o filme, fazendo um paralelo com alguns dos comportamentos necessários ao empreendedor:

– Persistência:

Walt era apaixonado pelas artes. Começou a desenhar aos sete anos, estudou fotografia e trabalhou no teatro. Seu pai nunca apoiou sua escolha. Após trabalhar na Cruz Vermelha durante a Primeira Guerra Mundial, Walt consegue um emprego numa agência de publicidade, mas a conquista durou pouco, meses depois foi demitido. Desempregado, acredita na possibilidade de iniciar seu próprio estúdio. Busca parcerias, reconhece que não sabe nada sobre o mundo dos negócios, mas acredita nas possibilidades de sucesso do seu trabalho. O fracasso acompanhou sua trajetória por mais de uma vez. Passou por crises financeiras, foi despejado, passou fome, perdeu parte de sua equipe, mas tinha sempre uma força interior que o estimulava a recomeçar.

foto52

– Comprometimento:

Em suas falas sempre dizia: “Nada substitui o trabalho duro”. Estava o tempo todo engajado em buscar fazer o melhor e tinha consciência que o dinheiro seria um resultado e não o objetivo da existência do estúdio.

foto54

– Planejar e monitorar:

Na primeira venda realizada com as animações de seu estúdio, Walt liga empolgado para o irmão Roy para comentar o sucesso do empreendimento. O irmão pergunta: “Por quanto vendeu?” Walt responde U$ 0,30 o centímetro da animação. O irmão então pergunta: “Quanto custou?” Walt responde “U$ 0,30 o centímetro”. Ou seja, Walt era um gênio, mas não era um bom administrador. Após ter a falência do primeiro estúdio Laugh-O-Gram recorre ao irmão para ajudá-lo com as finanças do novo projeto.

foto53

 – Autoconfiança

Walt também enfrentou dificuldades quando perdeu os direitos autorais de suas animações, mas quanto mais se deparava com os obstáculos no mundo dos negócios, mais afirmava que jamais se submeteria a trabalhar para alguém. Valorizava seu talento e da sua equipe. Nos momentos onde tudo parecia ter chegado ao fim, ele se fortalecia e reinventava seu estúdio. O personagem Mickey foi criado num momento de muita adversidade e que depois veio a ser o maior triunfo de sua independência.

foto48

Outras crises vieram depois do Mickey, mas Walt sempre dizia Keep moving forward” (Continue seguindo em frente). Faleceu antes da criação do Walt Disney Word – inaugurado em 1971, cinco anos após sua morte, mas tornou-se imortal no mundo corporativo e no mundo da fantasia.

Walt Before Mickey está no Netflix e vai fazer parte dos filmes mais inspiradores que já assisti!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s